23 Feb 2024 Ellipse ATUALIZADO 08:11

Publicado

26/11/2022

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Gabinete da Vice- Prefeita começa a ser desmontado pela gestão

Por José Guimarães, Licenciado em Filosofia pela Faculdade Vicentina (Curitiba), especialista em Pesquisa Acadêmica e Científica na Prática Docente, pela Unibagozzi (Curitiba) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

Na última quarta-feira, os assuenses que costumam ser atendidos pela vice-prefeita Fabielle Bezerra, ao chegarem na sala de recepção, tiveram uma surpresa; Foram obrigadas a aguardar em pé, uma vez que as cadeiras que ajudam a acomodar com dignidade as pessoas (e são muitas) foram removidas “por ordens superiores”.

Pelo que pude apurar, um dos acordos para que Fabielle, em 2020, pudesse aceitar a entrar na chapa como vice- prefeita de Gustavo Soares, seria a criação e estruturação de um gabinete adequado para que ela não perdesse o contato com o povo que acostumou a atender nos quatro anos de vereadora, o que se cumpriu até a última quarta-feira.

Com os episódios dos últimos meses, em que apresenta-se uma fissura no grupo situacionista, especialmente com os que formam o chamado F4, as tensões começaram a fazer efeito: exclusão de Fabielle dos eventos e redes sociais da prefeitura, demissão de cargos indicados por ela (depois reconduzidos), demissão do marido do cargo que exercia na Assembleia Legislativa, por ordem de George e, agora, o desmonte do gabinete.

Por mais que Gustavo tente parecer o bom moço na história, suas conversas com os vereadores de oposição e suas ações nos bastidores apontam que ele não nega a origem e faz ressoar os mandos e desmandos de George (mas sem habilidade) com ajuda de Lula Soares.

É preciso um facho de luz no meio da nuvem escura que paira sobre as cabeças dos agentes políticos que conduzem nossa cidade. Parece que uma loucura generalizada, em que se perdeu o prumo, embora alguns, como o chefe de gabinete, Clebson Corsino, tentem amenizar e dizer o contrário nas rádios da cidade.

Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS