23 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 06:13

Publicado

11/06/2023

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Pendências: Operação Tapa Buraco com jumento e carroça, escola sem papel higiênico e merenda, mas a

Por Izabely Rodrigues, licenciada em Química pela UFRN, professora da rede privada e Editora Colaboradora do Observatório da Várzea

Seria Pendências a terra do pão e circo, do coronelismo e o voto de cabresto? O sentimento é de que vivemos a Primeira República e estamos ainda em meados de 1890, tudo nos leva a crer que não evoluímos enquanto sociedade. Não é possível que tudo que Pendências tem vivido nos últimos anos, seja dentro dos pilares da administração pública, os vestígios são de sistemas políticos da República velha, onde não há liberdade, transparência e responsabilidade administrativa.

Nos últimos dias, denúncias foram feitas de que mais uma vez, em uma Escola Municipal de Pendências de Educação infantil faltava papel higiênico, você não está lendo errado, é isso mesmo, falta papel higiênico em uma escola de educação infantil, mesmo o município tendo arrecadado mais de R$ 70.000.000,00 (setenta milhões de reais) nos últimos 12 meses.

A gestão de nosso município, liderada pelo Prefeito Flaudivan (MDB) não se contenta com apenas uma denuncia, pois também é de conhecimento, que falta merenda escolar. A dívida com os fornecedores tomou uma proporção maior, e os mesmos não têm fornecido os alimentos para a merenda escolar. Pendências como a capital nacional do camarão, terra fértil, agraciada e banhada pelo rio Piranhas-Açu, que arrecadou mais 70 milhões nos últimos 12 meses, consegue ainda, deixar faltar papel higiênico e merenda nas escolas?

Seria pouco recurso ou nenhuma responsabilidade administrativa e compromisso com o povo? Eu acredito que a segunda opção seja mais cabível, caro leitor. O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) ainda não chegou em Pendências? Ou melhor, o repasse do Governo Federal para merenda não tem chegado? A resposta é clara: SIM! O repasse chegou e Pendências faz parte do PNAE, mas a gestão é totalmente desastrosa, descompromissada e sem planejamento. Onde está a gestão da Secretaria de Educação que não resolve os problemas e demandas da Educação Pública Municipal? Certamente, dorme um sono de beleza, pacientemente até 13:00h da tarde, perdendo o expediente do dia e esquecendo das demandas mais importantes.

Existem crianças em situações de vulnerabilidade social, onde muitas delas têm a merenda escolar como única e principal refeição do dia. Mas pelo visto, a prioridade da gestão municipal é outra, porque a fome das crianças pode esperar, mas as festividades não. Para além dos problemas educacionais, vamos para a infraestrutura de Pendências. Nos últimos dias, moradores do Conjunto Nossa Senhora de Lourdes, popularmente conhecido como Rocklândia, realizaram uma operação tapa buraco por conta própria, em razão de que, não há mais condições de transitar carros em algumas ruas, em virtude da pavimentação está completamente destruída. Os moradores do bairro só tinham uma carroça, um jumentinho, metralha e o sonho de uma rua com pavimentação digna e limpa.

Ora, Pendências falta papel higiênico nas escolas, transporte escolar, merenda, remédios na farmácia básica e soro hospitalar, mas tem de sobra exames clínicos engavetados há anos, ruas sujas, praças deterioradas, centros esportivos abandonados e, ruas e avenidas completamente esburacadas. Entretanto, o que não falta em Pendências é festa, ainda com dívidas do carnaval 2023, estamos esperando o São João. A programação das festividades está em dias, o pagamento dos fornecedores de merenda não.

A prioridade da gestão municipal está no bloco junino “15 em ponto”, que contará com atrações grandiosas para a animação do bloco. A gestão deveria ser pontual com o pagamento dos fornecedores para que não falte merenda, ser “em ponto” com os reais e verdadeiros compromissos e demandas do nosso município. Se a gestão da Secretaria de Educação, despertasse do profundo sono, não faltaria papel higiênico nas escolas.

O que Pendências precisa não é de bloco junino e trios elétricos nas ruas. O nosso padroeiro São João Batista ficaria mais contente em ver seu povo liberto e sem fome, nossas crianças crescendo em conhecimento e fora das ruas e da criminalidade. As festividades juninas são importantes, não podemos negar, devemos comemorar sim o nosso padroeiro, mas há também a necessidade de se ter compromisso, planejamento e responsabilidade administrativa, porque, por mais duro que seja falar isso, irei: O dinheiro que essa gestão “toma de conta” é do povo, e é com o povo que deve-se prestar conta.

Enquanto o administrarem Pendências como se fosse um carrinho de pipoca de um parque de diversão, viveremos a política do pão e circo e a velha história de anos atrás: TEM, MAS ESTÁ FALTANDO.

Estamos Observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS