17 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 17:35

Publicado

06/07/2023

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Remo completa 100 dias de governo em Ipanguaçu

Por Silvino Júnior, graduando em jornalismo (UERN), Assistente de Planejamento da Produção (SENAI) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

Nesta quinta-feira (06), Remo Fonseca chegou aos primeiros 100 dias de governo em Ipanguaçu. Ele foi eleito prefeito do município por uma diferença de 29 votos na eleição suplementar que ocorreu em março, após a cassação do mandato do antigo gestor, Valderedo Bertoldo. Sob cobranças por rapidez e marca, opositores se queixam da demora para que secretários deslanchem projetos e apresentem uma marca. Por outro lado, governistas falam em plano de reconstrução e afirmam que problemas foram herdados e isso tem travado a máquina pública, dificultando a velocidade das ações.

Remo já foi vereador por dois mandatos e também Presidente da Câmara Municipal em Ipanguaçu. Auxiliares do prefeito afirmam que houve um retrocesso durante o governo de Valderedo, que a gestão anterior apostou em uma “maquiagem” dos serviços, que a realidade encontrada na cidade teria sido outra e que leva tempo para arrumar a casa. Ainda segundo os relatos, existe um plano de reconstrução em curso, um calendário e uma relação de projetos a serem executados e que a gestão tem ouvido colaboradores técnicos e que inúmeras ações serão sentidas principalmente neste segundo semestre do ano e no inicio de 2024, pontuam.

Já os adversários, falam da falta de uma marca no período nos setores principais da gestão e cobram por rapidez nas entregas das ações. Essa eventual morosidade é apontada por integrantes opositores como a principal dificuldade da atual gestão para ampliar o seu nível de popularidade e decolar perante a opinião pública. Alguns reconhecem que falta organização para a oposição, que o bloco não consegue se impor, que não tem uma agenda, que estaria sem representante diante da disputa interna que trava já pensando na próxima eleição, que sem um discurso e uma posição, fracassaria no intento de chegar à prefeitura novamente, avaliam dois interlocutores ligados ao grupo.

Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS