17 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 16:11

Publicado

05/06/2023

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Atitude de Paulinho de Marlene de recuperar estiva do Rio-Açu deve ser reconhecida

Por Silvino Júnior, graduando em jornalismo (UERN), Assistente de Planejamento da Produção (SENAI) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

Após 64 dias, a estiva do Rio-Açu, que tanto facilita a vida das pessoas que trafegam entre as cidades de Assú e Ipanguaçu, foi recuperada no último sábado (03), através de iniciativa do Vereador Paulinho de Marlene. O trecho estava interditado desde o dia 31 de março, quando a força das águas durante o período chuvoso na região provocou o rompimento da ponte.

A atitude do parlamentar merece ser reconhecida, uma vez que os entraves burocráticos junto à Agência Nacional das Águas (ANA) e outros órgãos competentes costumam se estender, o que a curto prazo, prejudica os pais de família que atuam como taxistas e até a própria população de modo geral, que usa a passagem molhada para se deslocar em menor distância entre as cidades.

O trecho costuma ser castigado quando o trimestre de chuvas na região fica acima do normal. A recuperação da estiva do Rio-Açu se tornou uma marca do ex-vereador Manoel Botinha, assassinado em 2015, e lembrado até hoje pela atitude que exercia para restaurar a estrada.

Que a população merece uma estrada melhor e mais segura, isso não resta dúvidas. Mas dentro das possibilidades reais, deixo aqui registrado a prontidão do vereador de recondicionar a estiva.

Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS