03 Mar 2024 Ellipse ATUALIZADO 13:42

Publicado

14/08/2020

Atualizado

31/01/2024
Publicação

MAIOR CENTRO EDUCACIONAL DA VÁRZEA É ENTREGUE APÓS REFORMA

Por José Guimarães, Licenciado em Filosofia pela Faculdade Vicentina (Curitiba), especialista em Pesquisa Acadêmica e Científica na Prática Docente, pela Faculdade Bagozzi (Curitiba) e Editor- Responsável do Observatório da Várzea.

Na manhã desta sexta- feira, dia 14, aconteceu a cerimônia de entrega da Escola Municipal Monsenhor Júlio Alves Bezerra, na comunidade de Nova Esperança. Com a presença do prefeito Gustavo Soares, a vereadora Fabielle Bezerra e demais da comitiva, o ato marca a entrega da obra que consolida o investimento de R$ 159.473,55, provenientes de recursos próprios da Prefeitura Municipal do Assu.

A Escola, fundada em 1971, hoje conta com um total de 580 estudantes da região da Várzea e é o maior centro educacional da rede pública local na área rural do Assú. O estabelecimento oferta desde a Educação Infantil até o 9º Ano do Ensino Fundamental e representa um marco educacional para a população da região que aprendeu a amar a escola, com a professora Noêmia, primeira professora contratada por Monsenhor Júlio (antes de municipalizar), então pároco da época, para alfabetizar na “Casa Grande”, residência oficial da Paróquia em Nova Esperança.

O “Monsenhor”, como é carinhosamente chamada a escola, que hoje recebe a reforma e ampliação, com melhoramento na pintura predial, sistema elétrico e melhor condição de acessibilidade, ainda contará com instalação de equipamentos de ar condicionado em todas as salas, investimento proveniente de uma emenda parlamentar do deputado George Soares que, segundo apurou nossa redação, sairá em breve.

De qualquer forma, o investimento na maior escola da região da Várzea é um ganho para a população que, ano após ano, acostumou-se a enxergar nos professores e toda a equipe diretiva e pedagógica o profissionalismo e dedicação na educação das crianças e adolescentes que por esta instituição passaram. A escola merece, os alunos merecem, a Várzea merece.

Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS