03 Mar 2024 Ellipse ATUALIZADO 01:18
Publicação

MAIS UMA CHAPA EM IPANGUAÇU COM APOIO DO PREFEITO

Publicado

17/08/2022

Atualizado

31/01/2024

Por Silvino Júnior, graduando em jornalismo (UERN), Assistente de Planejamento da Produção (SENAI) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

Batizada nos bastidores de “O doutor e o assessor”, o Prefeito de Ipanguaçu, Valderedo Bertoldo (PL), trabalha com a possibilidade de ter uma chapa com os nomes de Thales Marinho (PSDB) como candidato a prefeito e Yuri Feldman (PSB) para a vaga de vice. Os dois postulantes se encontraram em Natal no último domingo (14).

O chefe do executivo tem escutado interlocutores e analisado tanto o cenário para uma eventual eleição suplementar, como para uma eleição em 2024 para sucedê-lo. Além de pressões internas, essa nova chapa sofre percalços que dependem não apenas da esfera política, mas também da esfera judicial.

Ex-Chefe de Gabinete, ex-Tesoureiro e atual Secretário adjunto de Saúde do Governo Valderedo, o Ministério Público Eleitoral pede a inelegibilidade de Yuri Feldman. Se confirmado, ele fica impossibilitado de disputar qualquer eleição pelos próximos oito anos.

Apesar das incertezas judiciais, a chapa agradou o Prefeito. Fontes ligadas ao gestor, confirmaram que ele acredita que Thales se projetou bem eleitoralmente ao disputar a eleição em 2020 e que seria um nome natural a enfrentar Remo Fonseca, que foi seu adversário e que será o candidato da oposição. Yuri, é visto pelo mandatário como uma pessoa de personalidade forte, que corre atrás do que quer.

Outro fator que permitiu Valderedo de se sentir otimista com os dois nomes foi a proximidade de cada um com os líderes dos seus partidos. Thales com Ezequiel Ferreira (PSDB) e Yuri com Rafael Motta (PSB).

O Prefeito Valderedo lançou na semana passada o nome do contador Franklin Marques para a sucessão, mas já cogitava o nome de Yuri para representá-lo de alguma forma. Na lista de preferência do gestor, ainda estão o Presidente da Câmara, Jefferson Santos; o Vereador, Josimar Lopes; e o Secretário de Obras, Mateus Lemos.

Para quem só decidiu ser candidato à reeleição aos 45 do segundo tempo e sofreu para encontrar uma vice em 2020, o Prefeito Valderedo ainda vai se perturbar muito até sacramentar sua decisão ou deixar que o próprio grupo brigue entre si.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS