17 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 16:57

Publicado

10/02/2023

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Prefeito e Vice no banco dos réus: Gustavo e Fabielle serão julgados dia 15 de fevereiro

Por José Guimarães, Licenciado em Filosofia pela Faculdade Vicentina (Curitiba), especialista em Pesquisa Acadêmica e Científica na Prática Docente, pela Unibagozzi (Curitiba) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

Após cinco meses da decisão da juíza Suzana Dantas Corrêa, que condenou o prefeito Gustavo Soares e sua vice, Fabielle Bezerra, por “prática de abuso de poder econômico” nas eleições de 2020, o TRE-RN (Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte) marcou o julgamento da chapa para o próximo dia 15 de fevereiro.

Dada como improvável pela gestão (ao menos nos grupos de WhatsApp e redes sociais pelos militantes, comissionados e cabos eleitorais), a cassação da chapa Gustavo e Fabielle parece estar cada vez mais próxima. Desta vez, com o agendamento do julgamento pelo TRE-RN, algumas fontes com quem conversei já assumem que é inevitável e, segundo eles, isso explica a pressa em tentar fazer aparecer o primo do prefeito, Lula Soares, para uma possível eleição suplementar.

Outro fator que prenuncia uma possível cassação é o fato do prefeito, em segundo mandato, estar com minoria na Câmara Municipal. Gustavo Soares é considerado politicamente fraco e emocionalmente instável, o que consiste numa debandada de aliados que não enxergam liderança, muito menos em seu pretenso sucessor. Na tentativa desesperada de mostrar serviço e fazer o sucessor, o prefeito já fez de tudo, até conversou com uma pedra, num lançamento de um calçamento.

Assim, outros agentes políticos vem ganhando força e outros reaparecendo, como a própria vice-prefeita, Fabielle Bezerra, que não terá seus direitos políticos cassados e Dra. Vanessa, que esbanjam popularidade. Na tentativa de voltar ao cenário local, Ivan Júnior começou há poucos dias a promover algumas lives através de sua conta no Instagram, com a finalidade de conversar com o possível eleitorado da próxima campanha que, a gestão nega existir e a oposição sonha em realizar.

Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS