24 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 21:29

Publicado

10/09/2020

Atualizado

31/01/2024
Publicação

TODA MORTE É UMA TRAGÉDIA

Por Dasira Alves, Pedagoga e Editora colaboradora do Observatório da Várzea.

Vivemos em um mundo que muito se fala de amor. Mas a falta de amor próprio, a falta de amor ao próximo, os desafetos, as incompreensões, o egoísmo, a falta de empatia, o individualismo, contradizem todas as “palavras de amor” proferidas.

Segundo pesquisas, a cada 40 segundos uma pessoa comete suicídio no mundo. Quase 800 mil pessoas cometem suicídio a cada ano, número maior do que o de vítimas de guerra, homicídio ou câncer de mama. No mundo, as mortes de jovens por suicídio só perdem para aquelas no trânsito. Toda morte é uma tragédia.

Seria um momento de fraqueza, ou de coragem? Seria a presença de Deus, ou a ausência d’Ele? Existem culpados ou somos todos inocentes, vítimas da falta de amor? Seria um ato egoísta? Muitas questões podem surgir, porém sem o sucesso das respostas. (???)

Não é drama! Não é para chamar atenção! Não é falta de Deus, nem muito menos frescura. Também não é não querer viver. É querer matar as dores do existir.

Ouso em dizer que ninguém, NINGUÉM além de você e Deus, sabem o que acontece dentro de você. Os conflitos, as guerras travadas diariamente no seu coração, as incompreensões, os apontamentos, o bem e o mal, o certo e o errado, das vezes que caiu, das vezes que teve que levantar. Das energias positivas e negativas. Dos tempos bons ou ruins. Se os homens soubessem resolver os problemas dos outros tão fácil o quanto é opinar, seria muito bom… muitas vezes nos vemos criticando coisas que já fizemos ou fazendo coisas que já criticamos. Não somos inatingíveis. Pois, o perfeito não é desta terra.

Pessoas são importantes! Somos TODOS iguais. Nem melhor, nem pior que o outro. Pessoas acertam e cometem erros, porque a humanidade é assim! Estamos em constante construção. Amar o outro porque ele te serve, porque ele te ama, porque ele concorda com suas opiniões, porque ele não te decepciona, não é virtude alguma.

A cada um de nós é dado um caminho. No qual não é permitido ninguém mais andar por ele. Ao longo desse caminho experimentamos de tudo. Do que é bom e do que é ruim. E assim, somente DEUS se fez carne, para provar e ver de tudo que havíamos de experimentar. Portanto, nunca sabemos o que se passa dentro do outro. Há quem faça poesia da dor. Mas há também quem não a suporte. Pessoas são importantes!

Que o nosso amor seja misericordioso. Semelhante ao que Deus tem por cada um de nós. Que nos afastemos do mal e de qualquer descendência do mal. E o mais importante: que sejamos a luz que Deus é para o próximo nos momentos de aflição. E não aquele que só é capaz de fechar todas as brechas aumentando ainda mais a escuridão que o outro está vivendo. Seja um caminho bom! Muita gente vai querer passar por você. É nossa missão como pessoas. Permita que o outro veja Deus em você. Se você não pode dedicar seu tempo amando, servindo, estendendo a mão, pacificando os conflitos, também não se utilize dele para plantar o ódio, a discórdia, pra ser indiferente aos processos da alma.

Seja ouvinte. Oferte a palavra. Encoraje aquele que fracassou. E a você, que de alguma forma pensa que a vida perdeu o sentido, recomece! Não se cale! Fale! Ame a vida que Deus te deu e aguarde as promessas que Ele tem para você. Elas vão se cumprir! Não há portas que a mão de Deus não abra. Você sobreviverá a isso! O peso de tudo te faz pensar que você não vai suportar. Você vai! Sua vida tem valor! Deus te planejou e o projeto de Deus para você, é de AMOR.

Estamos Observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS