24 Jun 2024 Ellipse ATUALIZADO 22:05

Publicado

07/12/2022

Atualizado

31/01/2024
Publicação

Vereadora denuncia suposta servidora fantasma na Câmara de Vereadores de Ipanguaçu

Por Silvino Júnior, graduando em jornalismo (UERN), Assistente em Planejamento da Produção (SENAI) e Editor Colaborador do Observatório da Várzea.

A Câmara Municipal de Ipanguaçu está com os ânimos exaltados em meio ao quadro de reviravoltas que acontece nos bastidores do poder legislativo e com a eleição suplementar que se aproxima para eleger o novo prefeito do município.

Em sessão tumultuada nesta quarta-feira (07) que marcou a entrada de Nestor Neto após a retotalização dos votos, a nova vereadora da casa, Luzineide Fonseca, subiu o tom e acusou o colega de parlamento, Bráulio de Anselmo, de ter indicado uma suposta funcionária fantasma para atuar na câmara. Segundo Luzineide, a servidora nunca teria prestado expediente.

“A mulher do seu tio (Bráulio) nunca sequer deu um dia de expediente nesta casa e mora em Natal. Vou fazer a denúncia ao Ministério Público e que ela venha devolver o dinheiro e você responda por essa indicação”, afirmou Luzineide.

Luzineide integra o bloco de oposição que agora forma maioria, enquanto Bráulio é do grupo governista. Em meio a tudo isso, os vereadores vivem um novo impasse que é o novo pleito para eleger o presidente da casa, que inclusive, divide juristas e pode tirar o atual prefeito interino do poder executivo.

O clima em Ipanguaçu está fervendo. Estamos observando…

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    POSTS RELACIONADOS